quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

A odisséia de fazer cupcakes pro Natal




Estranho ler esse título não??? Pois é... na correria  de tanto trabalho consegui me organizar para fazer cupcakes especiais de Gingerbread pro Natal!

A receita é simples, muito fácil o problema da "odisséia" foi cobrir com ganache nesse calor! =S O negócio não firmou por nada... A receita original pedia Royal Icing mas para fazer o pedia pó de merengue e eu não tinha. Tive que adaptar. E não consegui pensar em outra cobertura pra combinar com o sabor das especiarias. Buttercream eu acredito que fica muito pesado. Merengue também não aguentaria o calor. Fui no clássico chocolate ao leite.

Vamos a receita!




Cupcakes de Gingerbread (especiarias)

Ingredientes:

Massa
1 1/2 xíc. (340g) de manteiga 
1 1/2 xíc. (270g) de açúcar orgânico
1 1/2 xíc. (210g) de farinha de trigo
4 ovos grandes
3 c. sopa de mel
2 c. sopa de gengibre em pó
2 c. sopa de canela em pó
1/4  c. chá de cravo da índia em pó
1/4 c. chá de noz moscada
1 c. chá de extrato natural de baunilha
1 c. chá de fermento em pó

Recheio
Doce de leite argentino

Cobertura
540g de chocolate ao leite
280g de creme de leite UHT 17% de gordura

Método:

- Coloque 20 forminhas de papel próprias para ir ao forno em assadeiras de muffin. Pré aqueça o forno em 180°C.

1. Peneire a farinha, as especiarias e o fermento e reserve. (A receita original não vai fermento, ele não cresce  muito então eu recomento o uso dele!)
2. Na tigela da batedeira em velocidade média bata a manteiga com o açúcar até obter um creme homogêneo. Adicione o mel, bata mais um pouco e coloque os ovos um a um. 
3. Diminua a velocidade e adicione os secos batendo até incorporar. Divida a massa entre as formas e asse por 20-25 minutos até o centro estar assado (teste do palito). Transfira as assadeiras para uma grade, espere 10 minutos e coloque agora os bolinhos na grade até esfriarem completamente.
4. Quando estiverem frios, recheie-os com  o doce de leite e vá preparar a cobertura.

Cobertura
1. Na potência média do microondas, derreta o chocolate até ficar liso e homogêneo. Lembre-se de mudar a potência senão ele queima! No meu demorou 2 minutos e 15 segundos.
2. Coloque o creme de leite em um refratário e aqueça por 1 minuto no microondas. Deite o creme sobre o chocolate derretido misturando com cuidado até incorporar. O meu ficou um pouco granulado então bati com um fuê: ao levar para a geladeira (por mais de 1h nesse calor!) ele ficou completamente liso.
3. Com a ajuda de um saco de confeitar, cubra os cupcakes e salpique com confeitos.

Rend. 20 cupcakes.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Sorvete de marguerita pra comemorar 2011



Um mês... um mês que não escrevo aqui! Eu achava que não tinha tempo antes, agora então... rs. Aproveito a ausência para fazer um post brindando 2011. Eu tinha certeza de que ia ser um ano ótimo. E foi. Teve seus pontos negativos e momentos difíceis no primeiro semestre, mas minha conclusão é de que esse foi um ano de mudanças, de aprendizado, de cuidar do meu "eu".

Segue meu top top 11 (afinal é 2011!) realizações do ano!
1. Definitivamente o número 1 é perder o meu medo de dirigir. Foi a minha maior realização EVER. Hoje vou pra lá e pra cá em qualquer hora por qualquer lugar. Não é demais???  =)

2. Aqui vai para dar a cara pra bater e começar a vender cupcakes. Miss Cupcakerella nasceu em março com minha primeira encomenda!

3. Ver minha banda preferida ao vivo com 6 pessoas na minha frente. Roxette, medalha de bronze.

4. Completar 2 aninhos de casada. Iniciar outra etapa na nossa vida! Meu amor te amo!

5. Amigos. Ah como eu conheci gente bacana! E como reforcei amizades que antes pareciam esquecidas. Aqui vai um abraço apertado pra todos eles!

6. Não adianta nada cuidar do corpo sem cuidar do espírito. Ter feito o curso da Doutrina Espírita me ajudou muito a compreender coisas que antes não entendia.

7. Mi Buenos Aires querido! (to devendo um post eu sei!)

8. Ver minhas melhores amigas casarem e uma delas estar a rumo de ser mamãe!

9. Aprender a dizer não. Saber que todos não tem a mesma opinião mas que eu tenho o direito sim de falar a minha mesmo que você não goste. E não ficar mais chateada por não olharem mais na minha cara só porque você não gosta de uma cantora X.

10. Descomplicar e cortar excessos. Aqui vai o meu lado "verdinho claro".

11. Conciliar trabalho 1 + trabalho 2 + casa + supermercado + tudo............ multi mulher entrando em ação!


E para brindar tudo isso uma receitinha mega fácil pra esse calor dos infernos!
Beijos!

Sorvete de marguerita da Nigella
 
Ingredientes:
150g de açúcar de confeiteiro
120 ml de suco de limão
2 c. sopa de licor de laranja
3 c. sopa de tequila
500 ml de creme de leite fresco - 37% de gordura

Método:
1. Na tigela da batedeira junte os 4 primeiros ingredientes. Mexa pra dissolver o açúcar. Acrescente o creme de leite e bata em velocidade média/baixa por cerca de 5-7 minutos até formar picos leves. Ele tem que ficar cremoso porém um pouco firme. Transfira para um recipiente hermeticamente fechado (bem lacrado) e leve ao freezer por 10-12h. Sirva em uma taça com a borda de açúcar e raspas de limão.

Rend. 10 porções.

PS: espero ainda conseguir fazer um último post antes do fim do ano! rs

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Sobre dinheiro e uma decisão



E ai queridos como foi de feriado prolongado? Essa 4a está mais com cara de segunda né?
Entre outras coisinhas pra postar, resolvi fazer um texto sobre dinheiro e a vida moderna. Acabei de chegar de viagem e tal, - sempre vem a culpa de quanto você gastou rs - mas... de uns tempos pra cá não deixei de reparar em como as coisas encareceram! Só sou eu ou o mundo está ficando louco?

Infelizmente o Brasil adotou o sistema capitalista norte americano, e com isso praticamente tudo virou "descartável". Tudo mesmo. Eu morro toda vez que alguém diz que você "precisa" trocar de carro a cada 2 anos. POR QUE? O quanto que é caro manter um automóvel, que você cuida com tanto carinho pra o ele desvaloriza absurdamente em pouco tempo. Me diz POR QUE? Por que a porcaria do MESMO carro fabricado AQUI e exportado é 20, 30% mais barato no México, Argentina? É somente o imposto? Eu acho que não. Brasileiro tem mania de gostar de etiqueta, marca, status. E o fabricante lógico que não é bobo pois tem gente que... paga mesmo. Agora o que acontece para uma Kitchen Aid lá nos StadusUnids custar 200, 300 dólares e aqui 2 mil reais? É uma discrepância sem tamanho e justificativa aparente! E isso vai com qualquer coisa. Roupas então nem se fala. Quando fui pra Nova York em 98, uma calça da Levis era 20, 30 dólares. Enquanto aqui é pelo menos R$ 250.

Eu estou meio revoltada com isso ultimamente. Até em lojas de departamento eu considero caras pelo produto que vai praticamente pro lixo depois que você lavar uma única vez e custar R$ 60 - era uma blusinha de algodão com bordados na manga que eu NÃO comprei mas sai de lá espumando. E aí você fala que gastou horrores na sua viagem pros States e não, lá as coisas tem QUALIDADE com preço justo.

Ainda indignada quando você quer ver em investir num lugar seu, o sonho da casa própria e os preços estão cada vez mais inviáveis, impraticáveis, impossíveis. O que o pessoal pensa em pagar 150- 200 mil num apartamento de no máximo 60m²???? Sai mais de 3mil reais o m²!!!!!!!!!!!!! Com metade disso você CONTRÓI uma casa de alto padrão em qualquer terreno!

Principalmente quando a longo prazo você pensa numa família, e vê o quanto é um absurdo o que cobram para roupas e utensílios baby. Fui num chá de bebê outro dia e paguei 40 reais em um babador + uma chupeta. Não é de matar? Qual a diferença de um carrinho de 2 mil reais e um de 500, 700? Ou de 100 sei la? Seu bebê PRECISA de um balde (ridículo) especial pro banho? Vai se preocupar com a quantidade de fraldas que vão para o lixo e o que isso faz com o meio ambiente do que se ele vai ser mais "feliz" ou "moderninho" com todos esses apetrechos idiotas.

Na viagem para Argentina, uma amiga da minha irmã disse que foi feita uma pesquisa (não sei nem por onde procurar no google mas quem sabe acho a fonte) de que brasileiro é tão nessa de status, e marcas que paga caro por coisas que não são de qualidade muito boa E produtos que lá fora custa uma ninharia. Exemplos? Hidratante de Victoria´s Secret que custa 10 dólares no máximo no Free Shop e aqui o povo paga nada menos do que 50 reais e o poder de hidratação não é tudo isso se comparar com outros hidratantes inclusive nacionais (eu pelo menos DETESTO: o cheiro é tão forte que me dá dor de cabeça instantaneamente. Nunca comprei um sequer. Ah e por favor é VICTORIA´S SECRET não "Vitoria Secrets" falem corretamente pelo menos). Carrinhos minúsculos como Smarts e Cinquetentos que lá fora no máximo devem custar 5 mil euros e aqui nada menos do que 60 mil reais. Cervejas estrangeiras como Heineken - as nossas são bem melhores. Entre outros - quem sabe eu lembro e posto depois? E falem aí: não é verdade?

Com tudo isso em mente e sabendo que um negócio próprio demora a alavancar, (confesso que fiquei um pouco frustrada pelo fato de achar que agora no fim de ano já estaria recebendo encomendas mais do que regulares) surgiu uma oportunidade com meu cunhado e a pessoa que vos escreve vai VOLTAR A TRABALHAR!!! (calma a decisão não é de ter um filho, não agora hihi). Continuarei com os cupcakes em paralelo até quem sabe conseguir um investimento para abrir uma lojinha aqui em Campinas, mas no momento voltarei a ter horários e vou me desdobrar pra cuidar da casa/ir pra academia nesse meio tempo! =) Estou super feliz com o novo desafio! E isso vai me trazer mais prática na direção, mais independência, conhecer e conversar com pessoas novas enfim! Adorei! 

Beijos!

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

O cupcake de chocolate perfeito



Buenos dias! Hola para los lectores! =)

Faz quase uma semana que voltei de viagem e só agora consegui deixar tudo aqui em casa em ordem! Ok, com feriado no meio da semana e ainda um monte de roupa pra passar, consegui só hoje um tempinho para dar um pulo no blog!
E gente, como passou o tempo! Só mais 2 meses e fim de 2011! oO. Isso me assusta um pouco... passa tudo muito rápido! =S

A viagem foi ótima, rica em passeios, muita andança, com direito a cineminha e muita comida! Depois vou fazer um post somente de Buenos Aires. 

Mas hoje eu venho passar pra vocês a receita do cupcake de chocolate perfeito! Muito fácil de fazer, do livro da Santa Martha e o sabor é ma-ra-vi-lho-so. Vai com diversas coberturas e eu fiz de Buttercream Limão e Brigadeiro com cereja!
Vamos lá?

Ótimo fim de semana para todos!

Cupcake de chocolate perfeito

Ingredientes:

Massa
1 1/2 xíc. (210g) de farinha de trigo especial
3/4 xíc. (75g) de cacau em pó alcalinizado (ele é mais forte que o comum, existe da Mavalerio)
1 1/2 xíc (270g) de açúcar cristal orgânico
1 1/2 c. chá de bicarbonato de sódio
3/4 de c. chá de fermento em pó
3/4 de c. chá de sal
2 ovos grandes
3/4 xíc. (180ml) de buttermilk
3 c. sopa (45ml) de óleo vegetal (usei de milho, mas pode ser de canola etc)
1 c. chá de extrato natural de baunilha
3/4 xíc. (180ml) de água morna

Cobertura

Método:

- Pré aqueça o forno em 180°C. Coloque 18 forminhas de papel em 2 assadeiras para muffin (considerando as assadeiras com 12 cavidades! ;D)

1. Aqui é o mais fácil. Vai tudo numa tigela só! =) Na velocidade média da batedeira, misture os secos: farinha, cacau em pó, açúcar, bicarbonato, fermento e o sal. Reduza a velocidade para mínima. Acrescente os ovos, buttermilk, óleo, extrato e a água e bata até bem combinado, raspando as laterais da tigela se necessário. A mistura fica BEM líquida. Tranferi para uma leiteirinha (ou uma jarra pequena, o que você tiver com um bico) e dividi nas forminhas. O agente de reação aqui é o buttermilk + bicarbonato então ele não cresce absurdamente, e fica bem, bem úmido. Pode encher um tico mais as forminhas se quiser. Eu deixei um dedinho sem. Asse por 20 minutos, rodando as assadeiras na metade do tempo, até que o centro dele esteja cozido e o palito de teste saia limpo. Transfira para uma grade e deixe esfriar completamente.
2. Para cobrir, use a cobertura de sua preferência com o auxílio de um saco de confeitar e voilá!

Rend. 18 cupcakes - fiz metade da receita acima, usei uma forminha menor e rendeu 12. Os cupcakes podem ser guardados do dia pra noite em recipiente herméticos (temp. ambiente) ou congelados até 2 meses.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Uma torta para viagem

Mundo das Tribos

Entre outras coisas que nós mulheres (marido hello?) temos que lidar na hora de sair pra viajar - mala, check list, zerar as roupas pra lavar, passar etc - tem também o "esvaziar a geladeira". E essa torta é uma beleza pois é aquela torta que você vai fazer com o que tiver sobrando - pra não jogar tudo fora! Fiz no começo da semana e foi nosso lanchinho da noite. Nutritivo, saudável e super fácil.



Com essa receitinha deixo besitos pra vocês... saindo de férias para Buenos Aires, volto daqui a 10 dias com muitas fotinhos e histórias da terra de nuestros hermanos!

Uma torta para viagem

Ingredientes:

Massa
3/4 de xícara (180ml) de óleo - usei de soja
3 ovos grandes, orgâncicos
3 xíc. (720ml) de leite
1/2 xíc. de queijo parmesão ralado fresco
2 xíc. (280g) de farinha de trigo
1 c. (sopa) cheia, de fermento em pó
Sal a gosto

Recheio
Aqui vale o que tiver sobrando na geladeira- eu usei:
3 ovos grandes, orgânicos
1 lata de seleta de legumes (cenoura, ervilha e vagem), 
2 peitos de frango
1 linguiça
2 salsichas
Sobras de frios (presunto de muzzarella)
Uvas passas
1/2 cebola picada
1/2 xíc. de molho de tomate para dar a liga
 Um fio de azeite

Método:

- Unte uma assadeira retangular grande (40x30cm) com óleo e farinha. Pré aqueça o forno em 250°C.

1. Comece pelo recheio: cozinhe três ovos em uma panelinha com água. Espere esfriar, descasque, pique em fatias (com aqueles cortadores de ovos) e reserve para a montagem da torta. Pique bem pequeno a linguiça, o frango e refogue com o azeite e a cebola até que fiquem douradinhos e bem cozidos. Tranfira o refogado para uma tigela grande e misture com os outros ingredientes deixando por último o molho de tomate. Ele que faz o recheio ficar úmido.
2. No liquidificador comece fazer a massa. Bata os ovos com o óleo até formar um líquido claro. Adicione o leite,  o queijo parmesão e o sal. Aos poucos acrescente a farinha com o liquidificador ligado (o meu tem uma tampinha que sai) e repare na consistência: a massa deve estar cremosa, mas não tanto como uma massa de bolo, um pouco mais fina. Por último acrescente o fermento.
3. Para montar: deite metade da massa na assadeira. Coloque o recheio aleatoriamente na assadeira com as mãos ou uma espátula. Não "amasse" o recheio na massa, simplesmente jogue por cima! rs A assadeira não vai ficar super mega coberta de recheio, senão a torta resseca. Aqui o que vale é a improvisação. Por último, salpique as rodelas dos ovos cozidos e cubra com o restante da massa. Asse em forno médio/alto por cerca de 40 minutos ou até que doure. A minha levou 50 minutos. Corte em quadradinhos, coma quente ou fria mesmo. Uma delícia!

Rend. 16 pedaços.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Uma salada caeser diferente


Em época de se cuidar, tenho tido mais vontade e gosto de comer saladas. Mais pratos saudáveis ao invés de processados, ou mesmo lanches. Mesmo como prato único no almoço, ou ainda uma janta mais leve. Mesmo nesse frio, mesmo no calor - mesmo com horário de verão e ventos de deixar temperaturas mais baixas! Nessa inspiração momentânea fiz a minha salada caeser: alface americana picada, uvas passas, castanha do pará, queijo parmesão fresco e um pouco de molho rosê. Incrível como queijo muda completamente o paladar. Pode também ser acompanhado por um frango grelhado com um pouco de molho inglês, e quem sabe sementes de mostarda? Também se quiser, o iogurte faz um molho legal e até um honey mustard. Aqui o que vale é viajar na batatinha rs: para os croutons, alguns grãos de cereal Nesfit! =P

Beijos!

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Tortinhas de banana



Pela primeira vez resolvi me aventurar nas tortinhas... estava louca pra estreiar as mini forminhas e deu super certo! É um teste de paciência, mas um ótimo jeito de passar o feriado! Só não façam que nem eu: enchi muito de recheio e eles "murcharam" mas o sabor ficou divino! Ótimo pra não jogar fora 3 bananas que estavam passando...

Um beijo




Tortinhas de banana
da revista Nestlé n.45

Ingredientes:

Massa
1 xíc. (140g) de farinha de trigo
4 c. sopa de manteiga em temperatura ambiente quase amolecida
4 c. sopa de açúcar
1 ovo
1/2 xíc. de aveia em flocos
1 pitada de cravo da índia em pó
Raspas da casca de 1 limão - não usei
Canela para polvilhar

Recheio
3 bananas nanicas em rodelas
2/3 de xícara + 4 c. chá (100ml) de água
2 c. sopa de açúcar 
1 caixinha de creme de leite (agora só tem com 17% de gordura)

Método:

1. Comece pelo recheio: coloque os três primeiros ingredientes em uma panelinha, em fogo médio/baixo até as bananas cozinharem e ficarem macias ( a receita sugere 10 min, mas as minhas ficaram em menos tempo) Retire do fogo e deixe esfriar. Bata tudo no liquidificador com o creme de leite até ficar homogêneo.
2. Em uma tigela misture todos os ingredientes, amassando ligeiramente com as pontas dos dedos até soltar. Cubra com papel filme e leve a geladeira por 30 minutos. Em uma superfície enfarinhada, abra a massa até ficar com uns 0,3 mm. Usando um cortador de biscoito grande, corte discos da massa e acomode no fundo e laterais de forminhas para tortinhas com 9cm de diâmetro e fundo removível. Espalhe o creme de banana sobre a massa, polvilhe com canela e se sobrar massa faça tirinhas (#fail) por cima. Asse em forno médio (200°C) por 30 minutos. Desenforme ainda quente e leve para uma grade para esfriar.

Rend. 7 tortas

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Desejo culinário do dia ♥

Good Food

Eu sei, eu sei ainda não chegou dezembro... mas ele está a um passinho não? Como esse ano voou! Caramba! Parece que meu niver foi anteontem, ontem reaprendi a dirigir e agora já fiz 2 anos de casada e... UAU.

Nesse espírito de fim de ano, vim compartilhar com vocês um dos meus sonhos de Natal! Ai como eu acho chiquérrimo uma casinha feita de biscoito Gingerbread! Lembra muito João e Maria hihi! Acho que vou fazer esse projeto um desafio! No meio de tantas imagens, achei uma que é uma graça de fofa e não muito cheio de coisas... Minha mente entra em devaneios pensando em decor natalinas, cardápios natalinos, jantares natalinos... é, não vou reclamar nada quando dezembro chegar de fato!

Um beijo e um ótimo fim de semana pra vocês!

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Panna cotta de maracujá



Pretendo cada vez mais facilitar minha vida e tornar tudo mais simples... Estou me dando super bem na direção, levando minhas sacolas no supermercado mesmo ao olhar feio de alguns funcionários ao pegar as frutas sem nadinha de plástico e coloca-las dentro da sacola... e fazendo uma sobremesa deliciosa, fácil, leve e rápida, evitando jogar fora uma lata quase cheia de creme de leite que tinha sobrado por ter usado muito pouco numa ganache!

Ufa!
Beijos

Panna cota de maracujá

Ingredientes:

Panna cotta
1 1/2 xíc. (360ml) de leite integral
1/2 xíc. (90g) de açúcar orgânico
1 lata de creme de leite 25% de gordura (c/ soro! Mistura tudo com um garfo!)
1 envelope de gelatina sem sabor +5. c. sopa de água gelada para hidratar
1/2 c. chá de extrato natural de baunilha
1/2 c. chá de essência de maracujá

Calda de maracujá
3/4 de xíc. (180ml) de suco de maracujá concentrado + polpa de 1 maracujá com as sementes
3 c. sopa (36g) de açúcar
2 c. chá de amido de milho peneirado

Método

1. Em uma panela pequena, aqueça bem o leite, o creme de leite e o açúcar  - sem deixar ferver. Desligue do fogo e adicione o extrato e a essência. Reserve. 
2. Hidrate a gelatina com as colheres de sopa de água, e leve ao fogo em banho maria até dissolver. Misture ao creme anterior. Divida em 6 potinhos individuais de 120 ml - eu usei de silicone, se for usar um de vidro ou para mini pudins, unte ligeiramente com óleo - e leve à geladeira por 12 h ou de uma noite para outra.
3. Faça a calda um pouco antes de servir: misture todos os ingredientes em uma panelinha, e leve ao fogo até engrossar - cerca de 2 minutinhos. Sirva com flores comestíveis - no meu caso eu omiti, e usei a polpa de maracujá na calda, com as sementinhas e tudo!

Rend. 6 porções

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

O cupcake preferido do marido =P



Na semana passada disse que completei dois anos de casada, e após um jantar romântico servi cupcakes, mas não era qualquer cupcake e sim o preferido do marido! Ontem também, foi uma data especial, niversário de 30 do maridão, e de novo, mas dessa vez com a família dele e a pedido do mesmo, fiz o digníssimo cupcake novamente. 

Eu digo bolo preferido pois toda vez que vou fazer um bolo e pergunto a opinião dele tipo "que bolo eu faço amor?", a resposta é sempre a mesma: ele faz questão de 1) massa branca de baunilha (porque ele não gosta de bolo de chocolate oO), 2) recheio de doce de leite e 3) cobertura de merengue. Lembram do bolo do ano passado? Como eu estava com problemas em achar o ponto do merengue, na primeira receita fiz uma experiência com aquele Chantilly Amélia (não tinha dado certo da outra vez, mas armada com minha Kitchen Aid eu tive uma chance!) e na segunda me entreguei às claras e fiz um bowl cheião do merengue, acertado graças as dicas da Flavia Pantoja do Simplesmente Delícia. Hoje vou passar a primeira receita, o capítulo do merengue fica pra outra vez! =P

Um beijo



Cupcakes de baunilha com doce de leite e chantilly


Ingredientes:

Massa
3/4 de xíc. (180ml) de óleo de milho
3/4 de xíc. (135g) de açúcar orgânico
3 ovos, grandes e orgânicos de preferência
2 c. chá de extrato natural de baunilha
1 c. sopa de fermento
1 e 3/4 de xíc. rasas (225g) de farinha de trigo
6 c. sopa de leite morno

Recheio
Doce de Leite, o quanto baste para rechear os cupcakes

Cobertura
1 cx de Chantilly Amélia 
Cerejas, jabuticabas, amoras, a fruta que quiser para decorar.

Método:

- Pré aqueça o forno em 180°C. Coloque 12 forminhas de papel em uma assadeira para muffins.

Massa
1. Em um bowl, peneire o fermento e a farinha. Reserve.
2. Na tigela da batedeira em velocidade média bata os ovos e o açúcar até dobrar de volume e ficar um creme claro. Adicione o extrato de baunilha e o óleo e bata só para incorporar. Desligue a batedeira, adicione os secos e o leite, bata em velocidade mínima ou com uma espátula, delicadamente até formar uma massa lisa e homogênea e a farinha estiver integrada à mistura. Cuidado para não bater demais.
3. Encha as forminhas em 2/3 da sua capacidade e asse no forno por 20 minutos ou até dourarem ligeiramente. Quando estiver pronto, transfira os bolinhos para uma grade para esfriar. Enquanto isso, faça a cobertura.

Cobertura
1. Para o Chantilly Amélia siga as instruções da embalagem. Refrigere por pelo menos 12 horas, agite e bata em velocidade média alta até formar picos formes. Cuidado para não bater demais e ele virar manteiga. Eu fiquei preocupada com esses picos e acho que a consistência dele poderia ser um pouco mais firme... mas o que importa é que o Gio amou!

Para rechear
1. Espere os cupcakes esfriarem. Com um faquinha, corte o miolo do bolinho fazendo um círculo - cuidado pra não cortar ele inteiro! (ou use um boleador, eu fui na faca mesmo) retire um pouco da massa (vai ser em formato de cone), corte o excesso deixando só a "tampinha", coloque 1 c. chá aprox. de doce de leite no buraquinho, tampe e cubra com o chantilly. Difícil? A Sam explica bem!
Termine decorando com a fruta (eu usei jaboticaba que pegamos direto de um pé recheado!) e confeitos se desejar. Eu salpiquei com chá de Vanilla trazido direto das Zoropas pela minha querida Larissa de presente!

Rend. 12 cupcakes

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Curso Chocolatria

Esq pra direita: euzinha, Denise, Grazielle, Edivana, Ana, Iruska, Tathy e Suzana!


 
Muita risada e mão na massa rendeu isso tudo aí ó!


Nesse meu período de "introspecção" resolvi buscar mais conhecimento no mundo culinário. Ser meio auto-didata tem isso, tem hora que você acha que já absorveu tudo o que podia dos livros e quer sempre mais. Bom, eu sou assim! =P Adoro estudar, seja lá o que for!

Recebi indicação desse curso da Sam, a minha querida e fofa blogueira - e quase amiga rs! Gente, de verdade não é propaganda, mas valeu cada centavo! A Simone Izumi é uma outra fofa, e abriu meus olhos no quesito chocolate! Afinal ela manda muito bem no Chocolatria!


 Vendinha de produtinhos e a Simone fofa!

Antes que vocês perguntem - não, não vou expandir meu negócio para docinhos, não tenho estrutura para isso. Estrutura que eu digo não emocional kkkkk, mas de aparelhagem mesmo rs! Não faço parte de nenhuma indústria, mas cuido bem da minha cozinha pra realizar meus cupcakes. Mas pra docinhos é oooooutra história. Fui fazer o curso justamente pra adaptar para os meus bolinhos. Buttercream não é uma cobertura muito apreciada por aqui - a manteiga ficou com esse estigma de vilã como discursei nesse outro post, e ela dá um gosto forte e pesado à cobertura mesmo sendo a melhor pra se trabalhar com o saco de confeitar. A danada fica perfeita! Enfim, queria ter mais opções. E saí com a cabeça cheia de ideias!


Ingredientes pra trufinha de Limão Siciliano e pondo a mão na massa embaixo!



E ah, como esse curso foi bacana! Desmestifiquei os segredos da temperagem do chocolate (1. preciso comprar um recorte de mármore, não tenho como temperar aqui em casa a não ser que eu use o banho maria invertido); conheci pessoas bacanérrimas que também trabalham no ramo e de vários lugares do Brasil- (2. todo mundo largou a antiga profissão rs!) e foi um curso que você põe a mão na massa e não fica só olhando o chef fazer tudo como o meu curso do IGA (3. aula prática é tudibão!).

New friends!


 Quadradinhos Fudges com Tranfer



Ganhamos apostilas e várias dicas de como o chocolate se comporta. A diferença dos nossos chocolates para os importados. Fizemos trufas, bombons, copinhos e fudges. 
Passei um dia diferente, me dedicando a nova paixão que com certeza vai render uma reformulação na Miss Cupcakerella! Novos sabores, nova cara e novo jeito de pedir! ÊEEEE!

Curtam as fotos!
Ano que vem vou atrás de um curso de Macaron! =P

Beijocas e ótimo fds!


 A Phisalis antes e depois! =P

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Risotto de passas e castanha do pará + um jantar especial



Ainda estou com dificuldade de manter as postagens por aqui, no meio de testes de novos sabores para a Miss Cupakerella e o meu segundo aniversário de casamento, consegui me organizar para fazer uma comidinha com o marido! #jantarromânticoMODEon
Tirei a ideia de um almoço que fui no dia dos namorados: um risotto com frutas secas e castanha, simplesmente pirei! Esse risotto ficou FANTÁSTICO. Também tenho dificuldades para acertar o ponto - as vezes ele fica meio rebocão rs - mas o sabor ficou delicioso!

Vamos à receita!
Beijos

Risotto de passas e castanha do pará

Ingredientes:

2 xícaras de arroz arbóreo
6 xícaras (1440 ml) de água fervente com caldo de legumes
1 fio de azeite de oliva
1 cebola picadinha
1 dente de alho
Sal e pimenta a gosto
1 xícara (240ml) de Lambrusco branco
1 xícara de castanha do pará trituradas (passe no processador e depois meça)
1/2 xícara de passas pretas
150g de parmesão fresco ralado
2 c. sopa (28g) de manteiga sem sal

Método:

1.  Em uma panelinha aqueça a água com o caldo de legumes até ferver. Mentenha em fogo baixo para não esfriar.
2. Em uma panela grande (ou uma wok se tiver), coloque o fio de azeite e refogue a cebola com o alho. Despeje o arroz e cozinhe até ficar transparente. Adicione o vinho e mexa até evaporar. Vá acrescentando conchas do caldo de legumes uma a uma, mexendo bem para não grudar, sempre em fogo baixo. Não deixei o caldo secar completamente. Assim que restar um dedinho de caldo, acresente mais uma concha.
3. Nesse interim, despeje as passas e a castanha do pará, mexendo bem.
4. Quando o arroz estiver al dente, corrija o sal, misture o parmesão e a menteiga e sirva imediatamente.

Rend. 4 porções generosas.

Para acompanhar: Steak de File Mignon com geleia de frutas vermelhas.

1. Aqui não tem segredo: corte filés generosos, tempere com sal e pimenta, grelhe bem e sirva com uma colher de chá de geleia por cima. A mistura agri-doce é fenomenal!

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Bodas de algodão!



Hoje faço 2 aninhos de casada! Parece que foi ontem! O que tenho a dizer sobre o segundo ano? Muito melhor do que o primeiro! =P Receitnhas especiais vindo mais pra frente! Só sei que estou muito, muito, muito feliz!


quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Consciência + mudanças e o plástico: quem disse que é fácil?

Casa e Jardim, mas vi no Pimenta no reino


Já faz um tempo que estou programando fazer um post sobre "natureza", "lixo" e essa nova onda "eco". Sem querer ser eco chata, sem querer ser dona da verdade absoluta, mas tem horas que precisamos de um chacoalhão.

Sobre o lixo

Pois é, nesse ano a ficha aqui começou a cair. Eu e Gio produzimos uma caixa grande cheia (a que veio a Kitchen Aid dentro) de lixo reciclável por SEMANA. Coloca aí caixinha de leite, potinho de requeijão, garrafinha de sucos etc etc etc. E aí, mais 2 ou 3 sacolinhas (depende se o lixo está molhado etc) de lixo orgânico (1 do banheiro e o resto da cozinha). O ideal, ideal mesmo seria transformar esse lixo orgânico em adubo, mas morando em um apartamento não tenho nenhuma horta e nem espaço pra montar uma, então, fica pra quando eu tiver uma casa.

Aqui no Brasil agora está na moda as famosas sacolas ecológicas, e dizem por aí que os supermercados vão começar a cobrar pelo tal saquinho plástico (hábito que vi de perto em Barcelona) já que a tentativa de abolir pelo menos aqui na minha cidade foi frustrada - os supermercados tinham placas dizendo que a partir de janeiro deste ano não existiria mais sacolinhas e até agora elas estão lá...

Cheguei até a perguntar pra minha amiga Roberta como faziam os "países desenvolvidos" (ela mora na Holanda) pra descartar o lixo, já que ela dizia que existiam latões em frente a todas as casas onde a prefeitura passava recolhendo o orgânico e o reciclável. Mas acho que a sacolinha ainda é usada pra esses fins.
 
Aí fuçando na internet no blog Simplesmente eu me deparei com uma solução - e que nunca tinha parado pra pensar. É fácil adotar as eco bags mas.. o que fazer pra descartar o lixo? Usar todo e qualquer plástico que vem nos produtos que compramos (saquinho do pão de forma? saquinho do gelo? saquinho do peixe congelado? saco de carvão?) Não disse que vai ser fácil... vai ser atrapalhado, mas o objetivo aqui é diminuir o lixo.

Isso leva a todo um debate de cosnumo. Tudo o que você compra a embalagem já é responsavel por 50% do lixo. Pra onde vamos se existe até bolo de caixinha? Lasagna congelada? Eu não quero soar neurótica nem convencer todo mundo a amar de paixão a cozinha. O mundo é outro, mas eu penso se não vamos ser soterrados por lixo. Eu não sou muito de fuçar em notícias mas acho que todo mundo ficou sabendo do contêiner que apareceu no Sul vindo da Alemanha cheio de... lixo. (Fonte). E aí, custa muito tentar diminuir a quantidade do que você joga fora? Eu lembro tanto quanto adorava almoçar na avó, comer aquele bolo de cenoura que só ela sabia o ponto da calda... e hoje parece que tá todo mundo com pressa, pulando etapas. E comendo Deus lá sabe o que vem nessas coisas, e jogando fora como se o lixo fosse desaparecer assim, plim! Então resolvi dar um basta nos saquinhos. Meu puxa saco está cheio e vou esvaziá-lo e pelo menos tentar viver de outra forma.

Quer saber o que anda me tirando do sério nesses últimos meses?

- seções novas no supermercados com produtos "ready to take" em embalagens de isopor e quantidades individuais; aquele monte de queijo cortadinho, couves, abóboras etc - custa alguma coisa levar sua embalagem de casa?
- todas as hortaliças/ frutas/ verduras terem o rolinho de saquinho pra você pegar; - custa você pegar tudo na mão enfiar na sacola/ carrinho e levar assim pra casa? Lembra que nossas avós usavam carrinho de feira? Então! =P
- a nova onda "pet eco" - cadê as garrafas de vidro, ou retornaveis? Que me interessa saber se ela foi feita com x % de cana de açúcar? Ainda tem o pástico lá no meio. Ou mesmo "sacolinhas de plástico verde" que não são tão verdes assim. A de polietileno verde não se decompõe mesmo feito de cana, o plástico biodegradável precisa de condições super específicas para tal e a oxibiodegradável tem a quebra da molécula mas os resíduos contaminam o solo. (Veja, 1 de junho de 2011, tá aqui em casa não consegui achar nenhuma referência online).
- pessoas que esquentam comida em tupperware (ou qualquer coisa de plástico) no MICROONDAS. Indepentemente de ser da tal marca "homômina" cara pra caramba... você jura que tem CORAGEM? Sabe-se lá o que libera? Aqui já vou começar: nada mais de plástico. Vou usar todos os refratários que ganhei de casamento mas de vidro. E trocar tudo. Não é a toa que as pessoas ficam doentes e não sabem por que.

Podemos ficar aqui falando horas e horas do mundo moderno e blá blá blá, mas o fato é o seguinte: já consumimos muito mais do que o planeta produz. E aí? 
A solução (que não é da noite para o dia)? Você é sim responsável pelo que consome e a embalagem que joga fora. O jeito é reduzir, reduzir, reduzir. E aprender a reutilizar e aí reciclar. (Os 3 famosos R´s nessa ordem) A foto ilustrada diz justamente isso: luminárias feitas de embalagem de danoninho. Não é o máximo?

Outro site que me abriu a cabeça:

Indicação da Ana Elisa - uma das únicas que posso dizer que consegue lutar contra todo esse mundo frenético!

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Blog de férias...

Etsy


Confesso que estou muito perdida nos últimos meses. Sem paciência pra escrever, ou tempo pra fazer novas receitas, então acho que estava mais do que na hora de sair de férias. MESMO.
Estou indo acampar durante o fim de semana e finalmente marquei minha viagem para Buenos Aires no fim de outubro! Até lá, muitas coisas a resolver, casamentos para ir, encomendas pra fazer e receitas pra montar um bom arquivo - estarei sumidinha pra descansar a mente e o corpo! Afinal todo mundo precisa, né?

Beijocas

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

2° encontro Nacional de Criminal Minds



OMG! Posso começar esse post dizendo que meu sábado foi tudibão???? 
O Encontro não foi tão tumultuado como ano passado. Foi mais íntimo, bem mais legal. Não calamos a boca um minuto sequer! rs Teve seus "bafos" - tipo o garçom "obrigando" a gente a sentar separado pois era proibido juntar mesas (oi?). Mas foi muito, muito gostoso! E a partir de agora vou escrever um email para a CBS pedindo ao Reid pra desmembrar a teoria dos 6° de separação, que acredito piamente depois de hoje! rs



Primeiro, gostaria de fazer menção honrosa à minha querida Lari Padovan que foi com PÉ ENGESSADO prestigiar nosso momento Crime Fighters. Teve tratamento de DIVA pois paparicamos muito ela e lógico, deixamos seu gesso todo colorido! =D

Lari, Kat, Deb e agora minha new BFF Cláaaaaaaaaaaaaaaaaaau! Finalmente conheci a Vaquinha Gertrudes! =P Adorei encontra-las! Adorei conversar, interpretar, gritar, falar palavrão rs, contar os Spoilers do 6.18, dar risada, lembrar de momentos Hotch/Prentiss, falar do Reid, do Morgan, Garcia Baby Girl, JJ, Rossi e Gideon, as vacas da Hayley e da Elle... AMEI MEU QUADRINHO do Reid que a Deb linda fez, e fora isso ver os desenhos do Cauê (Clau ele é um anjinho!), lembrar da Season Finale de Castle, saber que a Lisa Edelstein (a Cuddy do House) vai pra the Good Wife =O e outras cositas más...




Senti falta da minha diva Rosely que não pode ir por motivos pessoais e totalmente compreensíveis, mas fica pra próxima!!!!

Pelas fotos da pra perceber que nos divertimos muito não? Quando vai ter de novo? #euquero!

Depois disso tudo sei que somos BFF Crime Fighters!

E sobre os 6° de separação? Descobri hoje no Facebook que a Clau fez Negócios da Moda na mesma facul que EU e temos uma amiga em comum! Acctually, eu fiz 1 ano de Negócios da Moda (a Clau não estava na minha sala e eu acho que era veterana já) aí mudei pra Design onde fiquei amiga da Isa que é amiga da Clau! Mundo minúuuuuusculo não? Eu meio que lembro dela lá e estava com  a pulga atrás da orelha pra saber "da onde ela me é familiar?!"

Pra finalizar quem quiser saber Spoilers da 7a temporada aqui embaixo o vídeo promo de Criminal Minds!